Gentilezas de São Paulo

  • Peço ajuda a um motorista para chegar num endereço, passo a roleta, me distraio e desço um ponto antes do local recomendado. Motorista segue seu caminho tranquilamente? Não. O ser gente boa, camarada manda eu voltar para o ônibus e me deixa exatamente na esquina mais próxima.
  • Mais uma vez estou eu em busca de uma rua. Vejo uma mulher vindo em minha direção e pergunto se ela conhece a bendita. Resposta negativa. Ela encerra o assunto e vai embora? Não. A outra alma iluminada tira o celular do bolso, liga o Google Maps e me mostra como chegar lá.
  • Versão perdida olhando para o mapa das linhas de metrô e trem de São Paulo, tentando descobrir a direção certa para mim. Uma mão toca o meu ombro:

– Moça, você quer ir para onde?

Eu respondo e ele me diz a plataforma e onde fazer baldeação.

Em matéria de experiências, eu sou uma otimista. Acredito piamente que ser gentil compensa porque a vida sempre retribui, e por onde quer que eu ande, Rio, Istambul, Itália, Paris….. e agora São Paulo, NUNCA me falta ajuda. Nunca. Sempre me sinto acolhida.

Eu sou a minha casa e o mundo é meu playground! 😉

Um comentário sobre “Gentilezas de São Paulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s