365 dias de Brasil

Há exato um ano eu desembarcava no Galeão com a vida espremida em duas malas, muitas dúvidas, mas também esperançosa de que aquele recomeço iria vingar com o decorrer do tempo.

E não deu outra!

Foi difícil, nebuloso. Passei por desafios imprevistos, levei vários tombos homéricos, mas valeu a pena cada um deles.

Hoje eu só quero agradecer à vida e a todas as pessoas que me ajudaram a chegar até aqui.

Muito obrigada!!!

E a minha felicidade maior é em função dos 2 tesouros mais valiosos que tenho, um dado e o outro conquistado.

  • Minha sobrinha Ana Júlia, que num momento de luto para toda a família, encheu nossas vidas de luz e viço.

Meu pinguinho de gente, a titia te ama para além do infinito. Seu rostinho é a primeira e a última imagem de todos os meus dias. É um privilégio te ter como parte de mim.

  • Minha comunhão comigo mesma. Sempre fui muito analítica e respeitosa comigo, mas também era dura demais, exigente demais e me negava certos momentos de vulnerabilidade e autocura, o que me custou bem caro.

Finalmente, eu aprendi a me acolher e apoiar com mais abrangência e amorosidade. Os momentos de intimidade que tenho com o espelho são um dos grandes responsáveis pela minha calmaria. E é deles que advém toda fé que tenho em mim e na vida.

Existimos e vivemos de dentro pra fora e não o contrário.

É preciso cuidar e integrar tudo aquilo que nos preenche e afeta. Só assim a vida ganha pessoalidade e significância; só assim conseguimos superar a síndrome de “vítimas do mundo”.

O sentido maior de se estar vivo é um mistério. Não há manual nem padronização. Mas para cada um de nós existe um leme específico que precisa ser descoberto por conta própria porque estamos aqui para evoluir e nos realizar.

 

Somos correntes e asas.

E à medida que nos livramos das primeiras,

as últimas crescem

e nos levam para onde a nossa alma

quer estar.

4 comentários sobre “365 dias de Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s